Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Aie Mourir pour toi

Quarta-feira, 21.07.10

 

REALIDADE EFÉMERA 

 

Vida, realidade efémera, ilusão

flor cortada sem dó nem piedade,

grãos de areia que nos escapam da mão

feita de tempo, marcando a idade.

 

Semente feita ser, deambulando

passo atrás de passo sem rumo,

para uns, tal  cavaleiro andante

para outros, fruto seco sem sumo.

 

Fantasia, sob qualquer disfarce,

torpe, demente e traiçoeira,

viver ou não viver é um impasse

será que a nossa vida é verdadeira.

 

Filosófica, abstracta e outras analogias

questionável sobre teorias e valor,

até que ponto viver é uma alegria

até que ponto viver é sentir a dor.

 

 Passagem sempre marcada no tempo

viagem por caminhos tortuosos,

um ténue soprar do vento

um disputar de sons tenebrosos.

 

Raiz tocada de lado pela podridão

água estagnada sempre impura,

vida realidade efémera  ilusão,

vida sem vida pelo tempo que dura.

 

E vem  o dia em que a vida acaba,

passado, ido o tempo que passou,

sobrar, o que resta é quase nada,

somos levados pelo vento que soprou.

autoria de__ M.Cabral_pt®

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Maroussia às 20:54

Solidão é tudo isto mas... a mais dorida, é a de não ter quem mais queria, na minha vida...!!

Terça-feira, 20.07.10

17883670_1331459986935483_6966623809850752644_n.jp

SOLIDÃO ACOMPANHADA

 

 












No meio de uma grande multidão

tenho tanto receio de tal sentimento,

como se pode sentir a dor da solidão

com gente a rodear-nos a todo o momento.

 

Mas é tão forte essa solidão sentida

que apenas a sentimos dentro de nós,

tentar falar e gritar, sem ser ouvida

e ter-mos de calar fundo a nossa voz.

 

Tudo vai girando em nosso redor

o Mundo, família, amigos, tanta gente,

mas de nós ninguém quer saber o pior

afinal somos mais um, é indiferente.

 

Por vezes até parecem querer escutar

no entanto a realidade é bem inversa,

nem sequer perdem tempo para pensar

como precisamos de ter essa conversa.

 

Podem crer que entre todas é a pior

a solidão que se instala no nosso ego,

é vivermos com tanta gente em redor

mas cada um ter o seu coração cego.

 

Acreditem que esta maldita solidão

que qual doença maltrata tanta gente,

apenas pode ser sentida pelo coração

de quem para os outros é benevolente.

 

Assim creio bem não estar exagerando,

se assim escrevo da solidão acompanhada,

porque bem sei quanto ela vai magoando

a Alma de quem dela sofre desesperada.


autoria de__ M.Cabral_pt®

Autoria e outros dados (tags, etc)

tags:

publicado por Maroussia às 20:17

Há dias em que também eu me sinto... Uma alma perdida !!!

Terça-feira, 13.07.10
 

 

22519452_1472857732780030_2980768717292998766_n.jpLÁGRIMAS 

Perdem-se as lágrimas que derramamos

rolando pelos nossos rostos já molhados,

porque se perde alguém que muito amamos

porque simplesmente ficamos abandonados.

 

Lágrimas são a fuga mais reconfortante

dos maus momentos de qualquer vida,

também podem ser fruto de um inconstante

ou de uma situação por nós não definida.

 

Lágrimas, também existem de felicidade

de alegria ou de incontidas emoções,

algumas são derramadas pela saudade

outras pelos desencantos das paixões.

 

Lágrimas choram as mães ao ver partir

seus filhos, para o mar ou para a guerra,

Lágrimas choram os filhos ao verem ir

os pais para bem longe da sua terra.

 

Lágrimas existem nos nossos olhos

até no mais insensível ser humano,

quando recordamos quem nos escolhos

vive cada dia, cada mês ou cada ano.

 

Lágrimas, quem sabe se a sangue têm sabor

as de a mãe que seu filho dá para adoptar,

para que ele tenha bem estar e não só amor

tudo, que por má sorte, ela não lhe pode dar.

 

Lágrimas, apenas lágrimas e nada mais

um líquido incolor e com leve sabor a sal,

palavras para as qualificar, são demais

porque todos nós já as derramámos afinal.

 

autoria de__ M.Cabral_pt®

Autoria e outros dados (tags, etc)

tags:

publicado por Maroussia às 20:35





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Julho 2010

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031



O Tempo não pára... !!