Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

MAROUSSIA

Um pouco de mim... Sobre o que sinto, ouço, escrevo e gosto !!

MAROUSSIA

Um pouco de mim... Sobre o que sinto, ouço, escrevo e gosto !!

19.03.22

Hoje é dia de S. José, que venham bençãos para todo o Mundo, em Seu nome e do Seu Filho (adoptivo) Jesus. Nesta Guerra demoníaca, ver pais e filhos separados à força, em desespero... Dói muito cá dentro.


Maroussia

tumblr_o4arslwbtn1tc8vrmo1_1280.jpg
Feliz Dia de S. José.

Todos os "dias" são do Pai, que se preza de o ser. Infelizmente há muitos que apenas são progenitores mas, esses também não merecem, o tratamento de Pai.

Pai é... Aquele que merece todo o nosso Amor, Respeito, Compreensão, Companheirismo, e de quem nos devemos orgulhar e estar gratos.

Pai é... Aquele que nos deu colo, trabalhou para nos criar, não nos faltar o mínimo, saberá Deus muitas vezes com que sacrifícios.

Pai é... Aquele que nos ralhava, quando nos portávamos menos bem, quiçá, nos deu umas "palmadinhas" merecidas, para fazer de nós "Gente" de Bem.

Pai é... Aquele que nos acompanhou nos momentos bons e maus das nossas vidas. Quando estávamos doentes, quando entrámos na escola, enquanto íamos crescendo, sempre nos amparando, até começar a nossa Vida de adultos... E quantas vezes já com família formada, servem-nos de "muro", para não nos deixar cair.

Pai é... Aquele Ser Especial, que queremos junto de nós até ser velhinho, para podermos retribuir, todo o amor e cuidados que sempre recebemos. 

Pai é... Aquele que vai sofrer muito, se ao chegar a uma idade em que necessita de mais cuidados, em vez de se acarinhado e acolhido... é tratado tipo "mercadoria", depositado em Instituições ou Lares, pese embora os haja de qualidade e em caso de doença, que tenham de ter acompanhamento médico, seja necessário.
Que nunca seja, porque os filhos não têm "lugar" em casa, paciência, nem tempo para perder a ouvir as histórias repetidas, as queixas das suas dores, e atrapalham os jantares e as festas com os amigos.

Pai é... Aquele que se sente abandonado, quando devia estar mais do que nunca acompanhado e com a devida atenção que é merecida. Os filhos têm de trabalhar é certo mas... há "cuidadores" profissionais (porque ainda há gente com um coração grande) que podem ficar com eles, nas suas casas, até os filhos chegarem dos seus afazeres profissionais e outros,  e assim se sentirem mais amados.

Pai é... PAI, todos os dias das nossas Vidas. Vamos honrar os "nossos" . Nem que seja a título póstumo RIP (como eu) !!
®M. Cabral_pt  
Nota pessoal:  Peço desculpa se firo suspectibilidades, esta é apenas a minha maneira de estar e de ser. Por isso assim escrevi. Que não sirva de crítica para ninguém, não é de todo esse o meu intuito. 

:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.