Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Tudo se pôde fazer, quer de política, futebol e outros. Agora apela-se ás famílias para não "festejarem" o Natal. Sendo que uma grande delas, só se reúnem nessa data. As palavras do "pedido" podem ser menos explicitas mas o sentido, está lá !!

Sexta-feira, 23.10.20

revolta.jpg

Quem me dera, poder recuar no tempo
Voltar a uma Primavera florida e soalheira,
Sem ter de me lembrar a cada momento
Quando findará  esta terrível "canseira" .

Este cansaço sempre presente e constante
Em que vivo ou devo dizer... sobrevivo,
Está a ficar cada vez mais saturante
Pois por muito que tente, torneá-lo não consigo.

São dias e mais dias, vivendo de temores
As noites de insónia e insistente pesadelo,
Passam-me pela mente imagens de horrores
Que não me deixam esquecer todo este flagelo.

Tive de aprender a sorrir com o olhar
A respirar para dentro de mim mesma
O ar tornou-se pesado no seu pairar
Fazendo-me sentir como um "abantesma"

O Natal, ainda se sentia no nosso coração
Um novo ano tinha começado, cheio de esperança
As Famílias estavam em total "comunhão"
Sem avisar, surge algo invisível e rompe essa "aliança".

Outro Natal se aproxima, com famílias desmembradas
A causa está no "descuido" de um vírus "fabricado"
Milhares de pessoas estão como eu "aprisionadas"
Sem até à data ninguém ter sido responsabilizado.

Sinto-me roubada, ultrajada e até mesmo "violada"
Na minha liberdade de viver e também de sonhar
"Castraram-me" as condições de poder ser abraçada
Quem me dera, no tempo se pudesse... recuar !!

Nota pessoal: - Que esta "culpa" não morra solteira !! 

@M.Cabral 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Maroussia às 00:27

" A menina que vende balões "... encantando a pequenada, e preenchendo os corações...!!

Sexta-feira, 21.08.20

baloes.jpg

Balões, quem quer lindos balões... 
anuncia a menina num timido apregoar
Que vai preenchendo os corações
ao mesmo tempo que fazem sonhar 

As crianças ao seu redor extasiadas
sorriem com tanto encantamento
Quero este, apontando animadas
para as escolhas, daquele momento

São tantas as cores para escolher
naquele "bailado" que paira no ar
Que é difícil só um balão escolher
quando tanto apetecia, todos levar

Por fim lá se resolvem por uma cor
embora seja uma escolha complicada
E com ele vai também um pouco de amor
por parte da menina, que fica encantada.

Balões, quem quer lindos balões
o pregão vai aos poucos enfraquecendo
Amanhã é outro dia para preencher corações
chegou a hora, de o cansaço... ir vencendo !!

balões, quem quer lindos balões...

®M.Cabral

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Maroussia às 02:15

Mais uma noite em que a - insónia - se instala em mim...!!

Domingo, 16.08.20

                                             "" Maldita insónia ! ""

"Escuto este "som" do Silencio que vem do "nada" ou talvez de quem neste momento, dorme, sonha, chora, se entrega, sofre, por um mal físico ou por amores, perdidos vencidos, gastos, mesmo inacabados.

 Atormenta-me esta maldita insónia !

Já nem sequer me "doi" apenas me "rouba" sonhos. Os sonhos da noite, têm uma maior intensidade. Sempre gostei de sonhar a dormir. Sonhar acordada, é "projectar" ansiedades e desejos, a prazo !
Sonhar, é quando o inconsciente domina a nossa mente, com encantos ou desencantos mas... quando dormimos, os sonhos são-nos "ofertados".

Entrego-me ao "embalo" dolente de uma musica de que gosto, enquanto a madrugada avança pela noite dentro e eu... Odeio esta maldita insónia"" !!

®M.Cabral

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Maroussia às 16:31

Desabando... "sobre" ti ou seja, usando e abusando !!

Sábado, 25.07.20

21630697_pzuFG.jpeg

                        Texto de um Diário (falhado)

"" Sentiste saudades minhas ? Quero acreditar que sim, que pelo menos tu as tenha sentido. Eu tive tuas, e por tal aqui me tens, a "falar" contigo. Acredita que nem sei por onde começar. Ao fim e ao cabo, nada mudou, nesta ausência. Os dias têm as mesmas 24 horas, as horas, 60 minutos e os minutos, 60 segundos. Nada muda, nem a minha vida... Quero dizer, talvez vá mudar um pouquinho, com uma novidade que  vou-te "dar". Tenho um projecto na "manga"... vou começar a trabalhar de novo mas, ainda não te vou dizer o que vou fazer, (sinceramente, estou indecisa). O que sei é que quero sentir-me útil, a mim mesma. Cansa ser simplesmente útil aos outros. É preciso muito mais para nos sentirmos "vivos" e eu preciso de "renascer", tal qual Fénix, que renasceu das cinzas.
Por vezes penso que, só venho aqui "encher-te" de disparates mas, tenho o direito a ser um pouco "disparatada", afinal ser sempre comedida e pensar duas vezes ou até três, antes de dizer algo, em certos momentos doi, porque o tempo em espaço, já está desfazado.
Pobre amigo, lês cada coisa... penso que por vezes até te ris de mim mas, eu não me importo, porque sei que o teu riso é condescendente. Talvez por isso "te" escolhi para meu confidente!

Sabes, enquanto fumo um cigarro (nem é bem fumar), penso que, foi muito bom para mim, aqui há uns tempos atrás "ter conhecido" alguém que me incitou a "mudar" a minha postura na vida, inclusive, a "criar-te"… as palavras dessa pessoa, neste momento, vieram à minha mente e sinceramente, tenho de reconhecer que só os amigos de verdade se preocupam connosco !

E por hoje não te maço mais, amanhã volto... quiçá !!""

®M.Cabral

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Maroussia às 12:17

Infelizmente, cada dia que passa, a matemática da adição, se agrava ainda mais... penso que neste momento "desolador" que se atravessa, a situação está a ficar sem resolução visível...!!

Segunda-feira, 15.06.20

man-4950225_960_720.jpg by net

” DESEMPREGADO “

Procura ansiosa e teimosamente
um lugar qualquer para trabalhar,
ouve nãos, quase constantemente
e tem uma família para sustentar.

Vencido e cansado, os pés doridos
já nem sabe que argumentos usar,
com os seus sentimentos tão feridos
de porta em porta continua a procurar.

Para uns, não chegam as habilitações
para outros, já passou dos quarenta,
mas mesmo sujeito ás humilhações
ele continua sem parar e, tenta…

Tenta, quase que ferido de morte
quando alguém lhe fecha a porta,
a lutar e remando contra a sorte
a sua alma, já sente quase morta.

Qualquer trabalho para ele já serve
pois nem tem a audácia de escolher,
e de raiva o seu sangue quase ferve
porque jamais, algo lhe fez tanto doer.

Mas hoje quem vive neste Mundo Cão
todos aqueles que querem trabalhar,
para não faltar á sua família com o pão
um dia, vão acabar por ter de esmolar.

®M.Cabral

Autoria e outros dados (tags, etc)








mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

O Tempo não pára... !!


calendário

Fevereiro 2021

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28




Internet Radio